Divertindo-se com a luz   Leave a comment

Que tal proporcionar algo diferente e encantador ao seu pequeno (a)?

SOBRE A OFICINA

Divertindo-se com a Luz oferece um percurso lúdico e artesanal na compreensão de como a imagem se forma  dentro de uma câmera fotográfica,  acreditando no encantamento do como e do por que das coisas.

O princípio básico da fotografia é a câmera obscura – ou escura. Quando falamos em câmera obscura, estamos nos referindo a um espaço interior, um compartimento fechado. Ela pode ser, por exemplo, um quarto fechado, uma caverna, uma caixa ou mesmo o interior de uma lata. A luz que vem de um objeto iluminado e passa através de uma pequena abertura, penetra no interior de uma câmera escura e reproduz lá dentro, em sua parede oposta à abertura, uma imagem invertida deste mesmo objeto.
Duplicando a realidade, a fantasmagórica imagem invertida de uma lâmpada surge no interior de uma caixa de vinhos transformada em câmera buraco-de-agulha. Nesta foto clássica, Morell demonstra como se forma a imagem na câmara escura.

Fotografia de Abelardo Morell – fotógrafo cubano – ilustrando a formação de uma imagem dentro de uma câmera obscura

Público Alvo
Crianças de 7 à 13 anos que queiram construir uma câmera obscura em um ambiente fechado e um  visor mágico. 

Pré-requisito
Nenhum, inclusive não é necessário saber fotografar.

Vagas Limitadas
Turmas pequenas de até cinco participantes.

Abordagem
De forma lúdica e divertida dou uma pincelada na história da fotografia,

realizamos exercícios para aguçar a capacidade de percepção de cada um

e mergulhamos na criação de câmeras escuras.

 Metodologia
As turmas são divididas de acordo com a idade: dos 5 aos 8 anos e dos 9 aos 13 anos.

As dinâmicas são individuais e coletivas, de sensibilização e de prática.

Durante o encontro os pequenos são convidados, através de exercícios divertidos e lúdicos, a conhecerem como a imagem se forma dentro de uma câmera fotográfica.

Construímos e vivenciamos o espaço em uma câmera obscura, algo como a imagem abaixo, fotografia do fotógrafo Abelardo Morell, que capta fotografias a partir delas.

abelardo_morrel_central-park_fall_08-800x624

Abelardo Morell – Cena do Central Park no Outono captada no interior de um prédio

Cada criança constrói sua própria câmera escura – que aqui chamamos de visor mágico – seguindo o modelo desenvolvido por Miguel Chikaoka. Através do visor poderão ver as coisas de pernas pro ar, do mesmo jeito que acontece nas câmeras fotográficas. E todos levam seus visores mágicos pra casa!

Os pequenos percorrem as etapas do processo Experimentando, Observando, Exercitando!

Período
Encontros avulsos – das 9:30h às 12:30h ou das 14h às 17h | Pacote a partir de três encontros tem desconto! 

Em fevereiro aulas as quintas-feiras nos dias 16 e 23.

Para outros horários, dias e Aulas Particulares: consulte!

Local
Em Porto Alegre/ RS – Brasil.
Tenho disponibilidade e interesse em levar a oficina à outras cidades, estados e países, entre em contato!

Investimento e Formas de pagamento
Detalhes e Inscrições
Com Isabella Carnevalle pelo 55 51 98108 5668 – whatsapp ou isabellacarnevalle@gmail.com.

Depoimentos de crianças

Anúncios

publicado em 09/02/2017 por Isabella Carnevalle

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: